area_cliente linkedin.png Facebook Baktron

FAQ - Perguntas frequentes

Água de Consumo

Antes da análise

Qual o procedimento para coleta de água para envio para análise microbiológica?

(1) Para análise de águas cloradas o laboratório deverá lhe fornecer um frasco estéril de vidro âmbar contendo tissulfato de sódio para inibição do cloro. (2) Lave muito bem as mãos com água e detergente. Lave também o ponto de coleta (torneira ou bebedouro) e se possível pulverize solução de alcool etílico a 70% e aguarde sua ação por 1 a 3 min. (3) Abra o registro e despreze a primeira água por 1 a 3 min. Abra o frasco estáril sem tocar na parte interna da tampa ou bocal do frasco. Colete a amostra enchendo totalmente o frasco. (4) Coloque a amostra sob refrigeração (geladeira ou isopor com gelo) e entregue no laboratório até 20 horas após a coleta.

A água que quero análisar não é clorada. Qual o procedimento de coleta para análise microbiológica?

Neste caso você não precisa de um frasco com tissulfato de sódio, portanto basta um frasco estéril de 250ml que pode ser adquirido em farmácias, Caso não encontre o de 250ml pode-se utilizar mais de 1 frasco, desde que os volumes somem ao menos 250ml. No mais o procedimento é o mesmo utilizado para águas cloradas, conforme tópico anterior.

Que credenciamento é necessário para um laboratório estar apto a fazer análise de água?

É preciso ter o credenciamento ou acreditação do INEA (Instituto Estadual de Ambiente). Esta é a garantia, no Estado do Rio de Janeiro, de que o laboratório está apto a fazer análise de água e que os laudos emitidos por este serão reconhecidos por entidades públicas e privadas e por orgãos de fiscalização.

Como saber se um determinado laboratório é acreditado pelo INEA para análise de água?

Pode ser solicitado o certificado atualizado ao laboratório ou pode ser feita consulta no site do INEA www.inea,rj.gov.br. É importante observar se o credenciamento é referente a análise laboratorial de água e para quais parâmetros o laboratório está acreditado, já que o INEA credencia empresas para diferentes serviços e análises.

Como eu faço para Outorgar meu poço?

A solicitação de outorga deve ser feita às autoridades outorgantes da União (Agência Nacional de Águas – ANA), dos Estados e do Distrito Federal. O Instituto Estadual do Ambiente, INEA, é o órgão responsável pela emissão de outorgas de direito de uso de recursos hídricos de domínio do Estado do Rio de Janeiro. Toda a documentação necessária encontra-se disponível no site do INEA (www.inea.rj.gov.br) em “onde e como licenciar”, sendo obrigatório anexar o laudo original de Análises Físico-Químicas e microbiológicas. A Baktron é um laboratório credenciado pelo INEA e realiza todas as análises necessárias para o processo de outorga de poços.

Que tipo de análise pode ser feita para saber se a água do meu poço é própria para consumo?

Devem ser feitas análises segundo a Portaria 2914/11-MS que define os padrões de potabilidade da água para consumo humano. Os parâmetros a serem analisados serão definidos pelo corpo técnico da Baktron, de acordo com as características da água

Depois da análise

A análise de ferro e manganês da água do meu poço deu reprovada, como eu posso tratá-la?

Existem filtros específicos para remoção de ferro e manganês, que podem ser instalados em poços artesianos. Depois da instalação do filtro deve-se realizar uma nova análise para garantir que a água adequou-se aos padrões de consumo